Diário de Bordo – Volta Redonda e Macaé

Cá estou eu às 8:30 da manhã, já dentro de um táxi no caminho para o aeroporto do RJ, depois de dormir apenas 1 hora no sofá de casa (pra não acordar a turma), tendo chegado em casa às 6 da manhã vindo de um show em Macaé, em 2:30 de carro com Kadu e Fernando.

Eu já tinha ido pra Macaé quase “virado” na véspera, pois diferente de meus amigos de banda, eu havia feito uma participação em Volta Redonda na antevéspera, com a banda Madame Zero. Fui de carro com meu empresário Luiz Paulo e ataquei a meia-noite e meia, cantando 8 músicas com a galera e pegando um Blackjack Pub lotado. Cantei 8 músicas, toquei baixo apenas em 1, a última. Rolou “Remédios” com a banda de lá, além de muito Barão, Paralamas e Beatles!

Aí saímos de Volta Redonda às 2 da manhã de carro e cheguei em casa já às 6, pois pegamos dois acidentes no meio do caminho (na madrugada), o que nos deixou horas parados na estrada. Dormi às 7 e acordei às 9 pra arrumar meu filho mais novo pra escola. Dei almoço, etc. E aí, quando vi, já estava na hora de ir pra Macaé às 12:30.

Kadu e Fernando chegaram lá em casa de carro às 13hs e partimos pra Macaé. Sexta-feira, 19/09/14, trânsito pra Macaé parado e resolvemos fazer um lanche na Casa do Alemão. No carro, recebi três boas notícias enquanto fico vendendo shows pelo iPhone (email, site e Facebook): o programa “Sem Censura” de ontem encerrou com a minha música “Remédios” (vou me interar qual foi o tema do programa), o evento Inusitado aceitou fazer dois dias seguidos nosso show com Andy Summers + Menescal (na Cidade das Artes) e a música “Remédios” está em primeiro lugar dos top 10 em Curitiba.

Chegamos às 18:30 na cidade de Macaé. E já fomos passar o som até às 21:15. Jantei uma canja de galinha no hotel e fui tocar às 23:00 depois de dormir uns 15 minutos e ficar tirando músicas do The Police pra tocar junto de Andy Summers em novembro próximo. Fiquei adiantando minha parte no quarto de hotel, lugar mais calmo que encontro em minha vida pra essas coisas… E o hotel em Macaé era super bom pra isso, em frente à praia, um quarto espaçoso, muito relax.

O show começou às 23:30 no Seu Adonias de Macaé, onde já temos cadeira cativa. Já é nossa segunda casa! Aliás, a comida do Seu Adonias é simplesmente imbatível!!! Macaé está em próspero crescimento por conta do petróleo, e nós nos tornamos padrinhos oficiais do rock na cidade. Faremos pela segunda vez em carreira solo o festival Macaé Lagoa Rock no dia 27/11, num local lindo na península (onde só se chega de barco) e onde já fiz com o Barão em 2013.

Esse show de ontem/hoje foi lotado novamente, fizemos um grande show de duas horas e meia, com 5 bis. Temos um ótimo público lá! Resultado: saímos tarde, partimos de volta pro RJ às 3:40 pra chegar em casa cedo, às 6:00, dormir 1 hora, entrar nesse táxi que estou agora, e seguir pra Brasília, onde tem novo show hoje para os funcionários do Sesc, no Clube Ascade Náutico.

Agora encontraremos também Luiz e Dico, e nossa equipe vai completa! Metade mortinha…rs. Nesse momento já sai do táxi, já fiz meu check in (pois cheguei antes) e cá estou eu comendo o meu tradicional mixto árabe do restaurante Pátio, do Santos Dumont, esperando meus amigos chegarem. Eu sempre como esse sanduíche enquanto espero no aeroporto. E como chego duas horas antes do embarque sempre, da pra comer uns 2 e tomar uma água e um café. Dou uma olhada nas lojas e compro jornal.

Hoje o show em Brasília vai ser tarde e já saíram matérias nos jornais. Vou ter de dormir à tarde, senão essa cara de sono vai permanecer durante as 5 primeiras músicas do show, rs. Opa! Meus amigos chegaram!!! Vamos comer! Vamos voar! Brasília, lá vamos nós! Entrevista pra Globo e show no Ascade Náutica, para diretores e funcionários do Sesc no setor sul às 23:30. Nesse momento já estou no avião! Enquanto isso, os momentos são registrados em pergaminhos como esse! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *